Quando me inscrevi para o Photo e Imagens Conference (PIC) de Belo Horizonte não imaginava que conheceria uma das mais belas histórias de amor da minha vida.

O casal Karina e Jader é um exemplo de que existe amor verdadeiro. Para eles, as barreiras se transformaram em degraus e as fronteiras assumiram a posição de linhas imaginárias. Nada seria capaz de abalar o sonho daquele músico apaixonado pela fotógrafa freelancer de se casarem exatamente daqui a 282 dias.

Ambos muito religiosos, resolveram seguir os sinais que o universo lhes apresentava fazendo Karina abrir mão de uma viagem marcada os Estados Unidos para juntos tomarem a decisão do casamento. Nenhum dos dois tinham o dinheiro para fazerem um evento bacana para a família e amigos, por isso tiveram que se virar e acabaram se submetendo ao sol escaldante da capital mineira. Com muita humildade e fé, passaram a vender bombons nos semáforos de BH. Começaram uma verdadeira odisseia.

2016-08-24-photo-00000017

A parte mais difícil foi de fato tomar a decisão. A partir daí todo o quebra cabeça foi se encaixando e pequenos milagres se encarregaram de não deixar o sonho do casal ser abalado. Familiares ajudaram com produtos necessários para a primeira remessa de 90 bombons, atualmente o casal vende mais de 100 por dia e já traçaram a meta de 150 bombons/dia até a data do casamento. A ideia foi inspirada em outro casal apaixonado de SP, deu tudo tão certo que na semana seguinte Jader e Karina já eram notícias em canais de televisão de grande alcance, ganharam uma sessão fotográfica com a Márcia Tamires e assim a história chegou aos ouvidos do fotógrafo de casamentos Rodrigo Lana.

2016-08-24-photo-00000012-2

Sem dinheiro para contratar o profissional, Rodrigo propôs um desafio: Se o casal conseguissem vender 600 bombons durante o PIC, ele presentearia os dois com as fotos do casamento. Imagine você: um dos principais fotógrafos mineiros se sensibilizou tanto pelo amor do casal que comprou a ideia e embarcou na onda deles.

A ideia era tão nobre que no primeiro dia do evento se esgotaram rapidamente todos os bombons que tinham e de cara bateram a meta. Sucesso total.

Conversando com o Rodrigo, compreendi um pouco melhor o que o motivou a fazer esta proposta incrível para o casal: Ele acredita cegamente no amor. Acredita tanto, que me confidenciou o sonho de poder um dia não cobrar um centavo por 20 casamentos que ele fotografar em um ano.2016-08-24-photo-00000012

Detentor de uma das maiores Fan Pages do Facebook no ramo de casamento de BH e com apenas 25 anos os  olhos do Rodrigo brilham por acreditar que o mundo pode ser mais belo e encanador se todo ser humano tive o amor como propósito de vida. Esta visão de mundo e de mercado que levou o fotógrafo a palestrar nos principais eventos do Brasil e já fotografar em 4 países diferentes.

Cruzar com pessoas com propósitos tão alinhados me faz ter certeza de que o caminho mais rápido para uma mudança global é o amor. Como diz um grande amigo “O amor é a cola que nos une”. A frase cabe perfeitamente neste contexto!

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Amor, Fé e Bombom
Lipe Borges
Todas as pessoas tem alguma coisa para nos acrescentar. Talvez por acreditar nesta máxima que me encantei tanto pelos retratos. Sou um curioso confesso e adoro escutar causos e histórias. Através do blog do Fotografe, quero compartilhar com você meus próprios "causos" por trás de fotografias e vivências fotográficas.

2 ideias sobre “Amor, Fé e Bombom

  • 28 de setembro de 2016 em 22:44
    Permalink

    Um belo texto. Obrigada pela menção e publicação das minhas fotos. Desejo verdadeiramente que a história desses dois alcance muitas outras pessoas dispostas a ajudar. Minha gratidão ao Ro que não cansa de fazer o bem. Um grande amigo que também merece muitas coisas boas.

    Resposta
  • 30 de setembro de 2016 em 15:56
    Permalink

    Lindo, lindo, lindo… Sem palavras para agradecer pela matéria linda, Lipe! Que Deus abençoe grandemente a sua vida e seus projetos. E que o amor sempre vença! <3

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *